O GT de Políticas Públicas identifica gargalos jurídicos e legais na perspectiva de transformar a restauração florestal em uma oportunidade econômica, geradora de emprego e renda.

O GT de Política Pública atua no desenvolvimento de ações estratégicas para influenciar formuladores de política pública e tomadores de decisão a adotarem políticas e ações que resultem na restauração florestal da Mata Atlântica. Neste sentido, as principais linhas de ação deste GT são:

 

a)     Posicionamento Político do movimento frente a temas importantes para a agenda da Restauração Nacional por meio da divulgação de notas específicas na página do Pacto e outros meios de comunicação;

 

b)    Articulação Institucional com governos Federal e Estaduais da Mata Atlântica, bem como coletivos como, por exemplo, a Coalizão pelo Clima, o Observatório do Código Florestal, a Rede de ONGs da Mata Atlântica e a Indústria Brasileira da Árvore que resultem no fortalecimento da agenda de restauração no Brasil;

 

d)    Fortalecimento de iniciativas que alavanquem ações de restauração em larga escala na Mata Atlântica como, por exemplo, editais de fomento, regulamentação dos Programas de Regularização Ambiental (PRAs) estaduais e mais transparência e eficiência no uso dos recursos de compensação/ compensatórios/ TACs que prevejam ações de restauração florestal.

Gostaria de fazer parte desse GT, preencha o formulário anexo

GT de Políticas Públicas

 
 
 
 

© 2016 Pacto pela Restauração da Mata Atlântica