Como se tornar um membro do Pacto

Bem vindo ao Pacto pela Restauração da Mata Atlântica! Seguem abaixo as formas de participação. Ao escolher uma ou mais categorias de 1 a 4, a instituição se tornará SIGNATÁRIA, enquanto estiver desempenhando a função descrita em cada categoria.

Ao escolher as categorias de 5 a 8 a instituição se tornará NÃO-SIGNATÁRIA, mas estará contribuindo para o desenvolvimento das ações de outras maneiras. As instituições NÃO-SIGNATÁRIAS, uma vez que desejarem e atenderem os critérios e procedimentos estipulados em cada categoria de 1 a 4, poderão solicitar adesão e se tornar signatários do Pacto pela Restauração da Mata Atlântica a qualquer momento.

 

SIGNATÁRIAS

 

Para instituição se tornar SIGNATÁRIA efetiva do Pacto pela Restauração da Mata Atlântica, ela deverá seguir os seguintes passos:

1) Aceitar as regras descritas no Protocolo do Pacto pela Restauração da Mata Atlântica

2) Escolher sua categoria de participação abaixo e preencher o cadastro correspondente

3) Aceitar o Termo de Adesão

4) Receber aprovação do Conselho Consultivo do Pacto pela Restauração da Mata Atlântica por e-mail

 

Conheça as categorias de participação como instituição SIGNATÁRIA:

 

1- EXECUTOR DE PROJETO DE RESTAURAÇÃO

São instituições que executam projetos específicos de restauração florestal (regeneração natural, plantio direto, e enriquecimento de espécies) e que se disponham a seguir os critérios e procedimentos definidos pelo Conselho de Coordenação do Pacto pela Restauração da Mata Atlântica.

 

 

2- CENTRO DE PESQUISA E DE DIFUSÃO

São instituições que desenvolvem estudos e produzem conhecimento científico e/ou desenvolvem ações de difusão deste conhecimento relacionados às ações de restauração de ecossistemas na Mata Atlântica e outras atividades relacionadas (Ex: faculdades, universidades, centro de pesquisa ou centros de formação). Para se tornar signatário do Pacto pela Restauração da Mata Atlântica como um Centro de Pesquisa e de Difusão, a instituição deverá estar desenvolvendo e disponibilizando algum conhecimento para, ou em parceria, com um signatário do Pacto e/ou para as ações gerais do movimento bem como atender os quesitos acima.

 

 

3- FORMULADOR DE POLÍTICAS PÚBLICAS

São instituições que atuam e/ou promovam discussões para a elaboração de leis, normas e programas relacionadas à restauração da Mata Atlântica, podendo ser órgãos governamentais e não-governamentais (fóruns, conselhos ou secretarias governamentais). A instituição deverá estar envolvida na discussão e formulação de leis, normas e programas que beneficiam a restauração bem como atender os quesitos acima.

 

 

4- PATROCINADOR E/OU DOADOR

São instituições – empresas privadas, fundações, fundos governamentais e indivíduos - que estão financiando e/ou patrocinando projetos de signatários e/ou ações institucionais do Pacto pela Restauração da Mata Atlântica, ou ainda que estão doando serviços ou insumos ao movimento.

 

 

NÃO SIGNATÁRIOS

 

Para a instituição NÃO-SIGNATÁRIA é necessário escolher uma categoria de participação e preencher o cadastro correspondente para cada categoria.

 

Conheça as categorias de participação como instituição NÃO-SIGNATÁRIA:

 

5- PRODUTOR DE SEMENTES E MUDAS

São instituições que exercem ações relacionadas à restauração florestal na Mata Atlântica por meio de produção de sementes e mudas nativas.

 

 

6- SERVIÇOS e INSUMOS

Pessoa física ou jurídica indicada por alguma instituição do Pacto pela Restauração da Mata Atlântica, que ofereça serviços e/ou insumos relacionados diretamente ao desenvolvimento das ações de recuperação florestal.

 

 

7- VOLUNTÁRIOS

Pessoa física que queira promover voluntariamente as ações e projetos do Pacto pela Restauração da Mata Atlântica para a sociedade (personalidades, jornalistas, adeptos da causa ou profissionais diversos).

 

 

8- QUERO CADASTRAR A MINHA ÁREA PARA RESTAURAÇÃO

Pessoa física ou jurídica com áreas disponíveis para restauração florestal e queiram cadastrá-las no banco do Pacto pela Restauração da Mata Atlântica para eventuais oportunidades de recuperação. O PACTO NÃO GARANTE E NÃO SE RESPONSABILIZA PELA RESTAURAÇÃO DESSAS ÁREAS

 

 

 

 

 

© 2016 Pacto pela Restauração da Mata Atlântica